sábado, 12 de janeiro de 2019

A Deus vos recomendo

Boa tarde e adeus, a Deus, outrora se dizia a César o que é de César.
Sobre o adeus, um dia pediram-me para não o fazer, que não queriam que aquele fosse o fim, tentei respeitar esse facto com as pessoas seguintes esquecendo esta palavra na hora da despedida. Ainda o usei muitas vezes e muitas mais irei usar, mesmo que a palavra provenha da religião e tenha um fim muito particular que é o de despedir-se realmente das pessoas quando essas estão no leito da morte.
Hoje em dia, principalmente com os mais velhos, fujo dessa palavra, não quero de jeito nenhum despedir-me deles, muito menos quero que abandonem este mundo, Deus já tem companhia a mais, deixem alguns bons por cá.
Não é que me considere religioso, a palavra só entrou no nosso quotidiano e é impossível negá-la, já faz parte do nosso vocabulário.
De resto, não tenho pretensão de pertencer a César.

“A Deus vos recomendo”

Sem comentários:

Enviar um comentário